sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Medo, repressão e tolice

Olhando a atitude de muitos, inclusive já fui assim, percebi que quando temos medo de que o que estamos fazendo está errado, queremos esconder aquilo de todas as formas, por medo de ter castigo, de sermos condenados. Vejo que o medo e o modo em que os pais tratam seus filhos pode fazer com que eles sejam propícios a fazer as coisas escondidos.
De fato, adolescentes ainda não sabem fazer escolhas e acredito nos pais como instrutores e como dizem em todos os lugares, educadores. Mas nos dias atuais, a criança nem saiu das fraudas e acha que já pode fazer tudo sozinha, ter celular, mexer no computador, dançar funk e por aí vai. Talvez você esteja pensando "Ah,seu pensamento é conservador demais", e de fato pode até ser, mas uma outra coisa deve ser considerada, qual adolescente faz uma escolha com total sobriedade das consequências?
Essa precocidade de achar que já é "gente grande" não é de hoje, desde o início dos tempos foi assim, começando com Adão e Eva que quiseram ser independentes de Deus, eles não eram adolescentes, mas agiram como tal.
Entendo que a adolescência é a fase das descobertas, de começar a crescer, mas como disse COMEÇAR. Se não for feito em etapas, aos poucos, pode resultar em arrependimentos no futuro e dor de cabeça para os pais. Mas que jovem quer esperar?
Como já citei algumas vezes, a "geração microndas" não sabe esperar e isso é preocupante, porque do jeito que as coisas estão, como será no futuro? Os pais serão tiranos e os filhos um monte de rebeldes? As crianças serão independentes?
Isso sinceramente me preocupa, mas acredito que haja uma solução que todos nós precisamos encontrar. Apenas uma resposta me à mente, que é o AMOR. Só o verdadeiro amor pode resolver esses problemas e ele só é encontrado em Deus.
Então, vamos deixar de ser tolos, repressores, amedrontados e vamos procurar encontrar o amor de Deus, porque assim acredito que muitos dos problemas terão solução.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Ansiedade + "Feliz Natal!" - Post Duplo

Estava pensando, "ansiedade" é uma situação difícil muita vezes. Estar ansioso com alguma coisa que esta para acontecer, ou esperando alguma resposta ou qualquer coisa parecida é difícil. Digo por experiência própria, houve vezes em que estava esperando muito por um evento e fiquei horas(sem ser exagerado) rolando na cama, de um lado para o outro pensando nas possibilidades que poderiam acontecer. Apesar de tudo, há uma passagem bíblica que diz "Lançai sobre Deus toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós" 1 Pedro 5:7, em outras palavras, conversar com Deus sobre o que você está pensando é a melhor solução, entregar a Ele vai te ajudar a descansar, também falo por experiência própria.
Outro assunto que gostaria de falar é sobre a frase "Feliz Natal", a frase mais dita nos dias 24/25 de dezembro, desde que nasci ouço essa frase e por costume, também comecei a falar e falo até hoje, mas sinceramente, o que significa a frase "Feliz Natal"? Todos os anos, todos ouvem falar que o Natal simboliza o nascimento de Cristo Jesus, mas e o que significaria "feliz natal"? Desejar um bom nascimento de Jesus? Ainda é uma frase que me traz dúvida e por isso prefiro não sair falando. Apesar de que podemos interpretar dessa forma "que Jesus seja presente(nasça) pra você"? Não sei exatamente, pensarei a respeito. Caso alguém consiga me explicar o que ela diz, por favor faça isso com um comentário.

Exemplo

Fim de ano, todos os lugares onde tem várias lojas estão lotados. Todo mundo correndo atrás dos presentes para família, amigos. Então estava eu no centro, andando, vendo algumas coisas nas lojas, quando me deparo com um homem. A cena me deixou impressionado, pois ele foi realmente um exemplo de superação e força de vontade.
Ele estava em uma cadeira de rodas, numa rua que era subida, até aí é "normal", mas o que realmente me impressionou foi que estava preso a cadeira de rodas. Atrás daquele homem, estava um carrinho onde continha um anúncio de uma loja. Aquilo realmente me chamou a atenção, muitos dizem que roubam por não conseguirem um emprego, que está difícil, mas pode ser que muitas vezes falta vontade e determinação. Assim como esse homem, há muitos outros exemplos, como os paratletas, que mesmo com alguma deficiência conseguem praticar o esporte, não digo que da mesma forma, mas só o fato de desempenhar uma modalidade com um alto nível já é uma grande vitória e um grande exemplo de superação.
Que possamos tomá-los como exemplo e ter determinação, força de vontade, mesmo quando as coisas não vão bem.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Planejamento

Relacionando o post anterior, está aqui um comercial de chocolate que mostra o que é um planejamento estratégico. Achei muito bem pensado esse vídeo e vale a pena ver.
video

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

E chega mais um final de ano...

Um clássico pensamento de quando começa a chegar fim de ano é que o ano já acabou, tudo o que tinha que ser feito já foi e então começa o planejamento para o ano seguinte.
Ouvi algo bem legal esse fim de semana, por mais que o ano esteja no fim, ele ainda NÃO acabou e que muitas vezes os planos que você faz para o ano seguinte podem ser iniciados nesse.O fato de esperar o outro ano chegar faz com que você perca tempo, e muitas vezes você começa e pouco tempo depois desiste. Há coisas que não tem como começar no fim de ano, mas aquelas que se pode iniciar qualquer hora, melhor que seja agora, porque começar no fim é uma grande demonstração que realmente há determinação em fazer aquilo, ainda mais que o fim de ano sempre é corrido para todos.
O cansaço chega, muitas vezes o desânimo, mas ver o descanço próximo deve ser motivador para esforçar só mais um pouco e então no outro ano olhar para trás e ver que esse apesar de ter sido cansativo e corrido, valeu a pena o esforço. Principalmente as derrotas sofridas ensinam muito, podem ser aproveitadas para tirar lições e utilizadas como incentivo para superação.
2009 está no fim, mas não acabou.
2010 planos são feitos, isso é muito importante, uma vez ouvi que os que alcançam seus sonhos são aqueles que planejam e fazem o que está dentro de seus limites atuais até que vão aumentando as possibilidades até chegar ao êxito do sonho, em outras palavras, o que você pode fazer agora para que isso te ajude na realização do seu sonho?

sábado, 5 de dezembro de 2009

Triste realidade

Hoje visitei um lugar chamado Nuselon, é uma casa abrigo. Nela vivem crianças de 0-18 anos que ou os pais não tem condições de sustentar ou sofreram algum problema em casa, como por exemplo violência doméstica. É muito triste ver crianças tão carentes de atenção e cuidado. Fiquei um bom tempo junto de uma menininha que tinha entre 2 a 4 anos, Isabele. Dar um "tchau" para ela foi doloroso, pois saber que a vida dela voltará para aquela realidade simples, sem os pais, foi complicado. Não somente ela, mas todas as crianças que estavam ali, voltariam para sua rotina, mesmo com a dura realidade que elas vivem, elas parecem continuar a ter esperança, a viver como crianças.
Pior pensar que elas não são as únicas,mas Salmos 27:10 diz "Ainda que o meu pai e a minha mãe me abandonem, o SENHOR cuidará de mim.". Talvez você pense "Ah é fácil falar de uma realidade que não se vive e dizer que Deus vai ajudar etc e etc", mas eu realmente creio, pois sei que meu Deus é Todo-Poderoso e nada é impossível para Ele.
Torço para que elas encontrem um lar caso estejam abandonadas, para que consigam crescer bem, para que sejam pessoas melhores que seus pais...

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Eu nunca saberei...

"Eu nunca saberei o preço dos meu pecados lá na cruz" é a frase de uma música cristã, ela deveria significar muito para os que tem sua fé em Cristo Jesus, pois a morte na cruz foi a redenção dos pecados da humanidade. Foi um preço alto pago por Deus e por Jesus, preço que não é mensurável, que não tem prazo de validade. Em um seriado americano "Vampire Diaries" tem como slogan (se não me engano) "amor se escreve com sangue", pensei nisso e de fato é verdade. O amor de Jesus foi escrito com sangue, com seu próprio sangue. Ele mesmo disse que ninguém tem maior amor do que aquele que dá sua vida pelos seus amigos. Quero esclarecer bem que não estou incentivando ninguém a se matar pelos que ama, mas o que quero dizer é que Jesus se sacrificou pelos que ama, então por favor não me entenda errado. Sua morte foi para que nós pudéssemos viver, levando consigo os pecados de toda humanidade para sempre, por isso esse preço foi tão alto que nunca saberemos quanto foi.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Tolerância Zero

Já vi várias vezes pessoas se esbrajando com a outras por não conseguirem fazer algo que é tão simples, até mesmo já fiz isso.
Vamos exemplificar para ficar mais fácil de se entender. O senhor A ele é chefe de uma empresa e o B é um empregado novo, A é uma pessoa
experiente, que já passou pelo cargo de B e já fez tudo o que B faz e depois de anos trabalho, o senhor A ficou habituado a fazer tudo
automaticamente. B é novo na empresa então está se adaptando ao novo ambiente de trabalho e tudo para ele parece ser meio complicado.
Então o senhor A pede para B realizar uma tarefa para ele, depois de muito tempo B ainda não voltou com o trabalho pronto. O senhor A
já impaciente chega a porta de B reclamando e dizendo que ele é um incopetente e muitas outras coisas.
Por mais fícticio seja minha história, isso é algo que acontece na realidade. Não necessariamente da mesma forma, mas com o mesmo
sentido.
É importante e acho que até fundamental sempre lembrarmos que o outro não é igual a nós, que todos tem um modo diferente de ver as coisas.
O mundo padroniza como você deve ser e de certa forma isso é ruim pois muitas pessoas assim não são quem elas são de verdade.
Devemos lembrar nós somos diferentes, mesmo tendo oportunidades iguais. Como já dito aqui http://temposeparado.blogspot.com/2009/06/somos-todos-iguais-e-diferentes.html
e aqui http://temposeparado.blogspot.com/2009/07/igualdade.html
Falei sobre isso mais de uma vez porque é algo que acontece muito frequentemente no cotidiano, por isso acho que vale a pena bater nessa tecla, para sempre lembrarmos desse assunto.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Letra

Sempre comigo - Na14

Uma gota de chuva na minha mão
Já me revela Sua perfeição
Majestoso Rei
O vento soprará
A chuva cairá
O mar se agitará
Assim como essas coisas permanecerão
Até a Tua volta
Eu quero estar
Com você
Ainda que eu andei em meio a escuridão
Jamais me abandonou e nem me deixou
Tú És Fiel
Hoje eu quero a Sua presença aqui
Perto de mim
Sempre comigo...

sábado, 31 de outubro de 2009

Ciclos

Depois de muito tempo sem postar, tenho percebido que nossa vida é uma sequência de ciclos.
O engraçado é que muitas vezes nós queremos estar num ciclo que não é o que nós estamos.
Por exemplo: os adolescentes sempre querem estar no ciclo dos adultos, para poder dirigir e fazer outras coisas que eles não podem por serem menores de idade. Os solteiros muitas vezes querem estar casados e vice e versa.
Para a grande maioria o ciclo básico é nascer, entrar na escola, entrar na faculdade/trabalhar, casar, aposentar e morrer. Claro que entre uma fase e outra há muitos acontecimentos que são peculiares de cada vida.
A grande pergunta é, "e depois"? A última parte da vida é a morte, e será que acaba aí?
Acredito eu que não. Cada um tem uma opinião a respeito desse assunto bem polêmico, uns dizem que você reencarna; outro dizem que você reencarna como um animal, dependendo de como você levou sua vida aqui; outros dizem que você simplesmente morre, e acabou; e muitas outras opiniões de acordo com a crença.
Ao meu ponto de vista, se as coisas acontececem depois de somente acordo com as coisas que fizemos aqui, se fizemos coisas boas, depois será bom, se fizemos coisas ruins depois será ruim, então todos teriam uma "pós-vida" horrível, porque me diga, você nunca fez nada errado? Nunca mentiu, nunca brigou com ninguém? Esse tipo de coisa a gente pode pensar "Ah, mas foi SÓ aquilo", de um jeito ou de outro, sendo algo pequeno ou grande não muda o fato de ter sido algo errado.
Como falei, cada um tem sua própria crença e modo de ver as coisas, e vendo de acordo com a bíblia, não há ninguém que seja justo no mundo, por mais "perfeita" que a pessoa possa parecer. E há sim algo depois da morte, a vida eterna ou a morte eterna, isso depende de uma escolha feita aqui, de pedir a misericórdia de Cristo. E somente por causa de Seu amor se consegue a vida.
Não consigo imaginar como deve ser viver para sempre pois esse será um ciclo sem fim...

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Pensamento III

"Dentro de mim há trevas,
Mas Contigo está a luz;
Eu me sinto solitário,
Mas Tú não me desamparas;
Estou desanimado,
Em Ti, porém, está o meu auxilio;
Invade-me uma inquietude,
Tú, entretanto És a paz;
Sinto-me tão amargurado,
Mas Contigo está a paciência..."
Bonhoeffer, dentro do campo de concentração.

domingo, 11 de outubro de 2009

Pensamento II

A gente vê pessoas fazendo tudo
Pelo dinheiro e pela fama
Mas será que eles são tão importantes assim?
Seria essa a razão da vida?
Eu acho que não...
Eu sei que há coisas bem melhores
Que só o Amor pode mostrar.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Vozes e ruídos...

Hoje estava em um lugar bem movimentado, cheio de pessoas. Como vi que iria ter que esperar um pouco resolvi arranjar algo para fazer. Então peguei um livro que tinha levado e fui procurar um lugar para sentar e ler. Como o sol estava no seu horário mais forte, fui procurar uma sombra onde pudesse sentar e ler concentradamente meu livro. Até que então encontrei um lugar no chão mesmo debaixo de uma cobertura. Pouco tempo depois pessoas vieram sentando quase em cima de mim, praticamente me colocando no meio da roda e no meio da conversa deles. Como vi que ficar ali não ia dar muito certo fui procurar outro lugar. Andei um pouco e encontrei, sentei e comecei a ler o livro novamente. Pouco tempo depois outras pessoas vieram e sentaram perto, dessa vez sem me colocar no meio da roda, apenas ficaram conversando ao lado.
Aonde quero chegar com isso tudo?
Bem, durante todo o tempo apenas queria ler meu livro. Estava conseguindo até que pessoas chegaram e ficaram conversando, isso tirando o barulho do próprio lugar que estava cheio. Tentei me concentrar naquilo que fazia, mas ao mesmo tempo muitas vozes me tiravam a atenção.
Nossa vida é assim, muitas vezes queremos nos concentrar, mas começam a vir muitas vozes ao redor, muito barulho que nos impede de fazer aquilo que realmente queremos ou que é importante. Percebi a dificuldade que é de tentar fazer algo com muito barulho em volta.
Deus quer nos guiar, mas as muitas vozes que não são Dele nos atrapalham a seguir a direção certa. Por isso devemos nos concentrar e pedir a Ele para que somente a voz Dele nos direcione ao caminho que devemos seguir.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Diga não ao orgulho

Hoje aprendi uma lição muito importante para aqueles que querem viver uma vida "em paz". Há momentos na vida que temos atrito com alguém, sejam essas pessoas irmãos, amigos, esposa/marido e outros todos que o cercam e então a situação mais lógica de quando acontecem esses atritos é pensar, "quem é o culpado?" e também muito facilmente pode vir a mente "a outra pessoa, claro". Já tinha ouvido falar que aqueles que querem ter bons relacionamentos poderão estar em situações que pedirão perdão mesmo sem estarem errados, pensava que isso era apenas para namorada(o), esposo(a), mas não, entendi que são para todos os tipos de relacionamento, deixar o orgulho de lado é um fundamento necessário a se fazer para ter bons relacionamentos.
Infelizmente isso não é tão simples, ainda mais se os dois lados forem bem firmes em suas convicções. O problema é que isso pode destruir relacionamentos por tempo indeterminado, até um pedir desculpas ao outro.
Por isso falo, por mais difícil que seja, às vezes teremos que pedir perdão mesmo que pareça que estamos certos, isso trará crescimento ao relacionamento e fortalecimento. Falhar é humano e também ter orgulho no coração é humano, mas nesses momentos devemos deixar nosso ego de lado pensando no mandamento "amar ao próximo como a mim mesmo". É uma grande luta isso, porque claro, ninguém gosta de assumir que errou, nem perder uma discussão, mas o que agora pode ser vitória doce, futuramente pode ser uma derrota bem amarga.
Que possamos refletir nisso, deixar o orgulho de lado para vivermos bem com os outros.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Se a vida fosse como o MSN

Vi num site algumas tirinhas com o título de "Se a vida fosse como o MSN", gostei de uma e aí está. Não ri até cansar, mas a idéia é boa.





terça-feira, 15 de setembro de 2009

Músicas e perfumes

Uma vez ouvi que há duas coisas que marcam as pessoas: músicas e perfumes. Até então nunca tinha parado para pensar nisso, depois comecei a reparar que isso de fato é verdade, digo por experiência própria que músicas fazem lembrar momentos, sejam eles bons ou ruins, é como se o sentimento daquela hora voltasse junto com um flashback na memória. Por mais diferente que seja a situação ou o lugar, quando toca a música marcante, a lembrança que vem é daquele outro momento, a sensação volta, pelo menos sinto isso. Os perfumes também tem uma forma semelhante de lembrança, certos aromas me fazem lembrar lugares ou pessoas, realmente são marcantes essas duas coisas. Isso demonstra que nossa memória não guarda apenas imagens, fatos que lemos, mas vai além, nossos sistemas de olfato e audição são bons para fazer voltar a tona sensações já sentidas e flashbacks de outros momentos. Comece a prestar atenção nisso e verá que é fato o que digo.

Crianças

Estava outro dia observando, a simplicidade de ser criança. Na maioria das vezes, elas não precisam se preocupar com comida, com trabalho, apenas em viver. São simples no brincar, com pouca coisa conseguem fazer bastante bagunça, conseguem se organizar para brincar mesmo sem um adulto por perto, fazem suas próprias regras e quando brigam depois de uns 15 minutos já são amigas de novo. São sinceras nas suas respostas e não conseguem disfarçar quando estão com medo ou quando fazem algo de errado. Fazem os desenhos mais feios e ao mesmo tempo mais bonitos de todo o mundo, conseguem derreter os corações dos pais com simples gestos. Crianças tem muitas atitudes interessantes de se observar, algumas que muitas vezes os adultos também poderiam ter...

Pensamento...

Estava pensando outro dia, do motivo pelo qual resolvi seguir a Cristo. Sendo que há muitos deuses por aí, por quê escolher Jesus? Parei para pensar e lembrei, que dos outros que conheci, nenhum demonstrou amor por mim como Jesus fez. Nenhum me amou tanto que se sacrifico por mim, nenhum quer uma amizade forte como Cristo. Nenhum outro deus me chamou de filho. Respeito as opiniões dos outros, mas percebi que o diferencial do Deus, Pai de Jesus, é que Ele realmente me ama e se importa comigo, tanto a ponto de me chamar de filho.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Lamentações

Acabei de entrar num blog de um rapaz e realmente tenho muito a lamentar com coisas que li lá. Não só isso, mas em muitos outros lugares que vi e que li coisas absurdas. O rapaz é como qualquer um, uma pessoa que procura respostas, e infelizmente aqueles que se dizem cristãos impõem a ele para se converter, que ele fala um monte de coisas que não tem sentido e outras coisas do mesmo tipo. Esse é o grande problema de muitos que se dizem ser cristãos, a falta de respeito. Nesse mesmo site vi uma tira interessante, eram dois homens um com uma camisa escrito ateísmo e outro com uma cruz na mão que batia no ateu e falava que ele devia se arrepender, etc e etc, depois o ateu pega a cruz, vai quebra-la e o religioso diz algo parecido com "espere aí exijo respeito". Cristianismo não é difundido pelo "você TEM QUE FAZER", temos que parar com essa frase "se converta senão você irá pro inferno", chega de ameaças, chega de impor as coisas. Os verdadeiros cristãos entenderiam que não é isso que Deus quer, não é o cristianismo forçado. As pessoas não vão mudar se os religiosos sairem condenando e mandando nelas, muito pelo contrário, as pessoas vão se revoltar ainda mais contra o cristianismo. Não conseguem ver que a condenação apenas intimida e cria ódio nas pessoas?! Se fossem cristãos de verdade veriam que a característica forte nos cristãos deveria ser o amor e não as ordens, a hipocrisia, muito menos a condenação. Dessa forma não vejo diferença entre o Tribunal do Santo Ofício e as igrejas de hoje. Apenas lamento com muitas pessoas desvirtuadas que acham que o que falam tem que ser verdade para todo mundo e lamento ainda mais pelas pessoas que tem que ouvir o que essas pessoas falam. Para aqueles que já foram vitímas de "religiosos apontadores de dedo" eu peço por favor, perdoe-nos . Amor e respeito, isso são características do cristão, novamente falo, não estou falando de perfeição, porque isso não existe, mas que mesmo sendo falho e imperfeito, ama o próximo.

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Responsabilidade precoce

Quantas vezes os pais, parentes, entre outros não colocam "carga demais" nas costas daqueles que ainda são pequenos e frágeis? Já vi e ainda vejo casos do tipo "pai que quer que o filho seja médico", fazendo com o que muitas vezes aquele desejo se torne um fardo muito pesado e uma pressão muito grande para o filho. Isso quando não tem imprensa envolvida, quando o caso é de filho de jogador de futebol, a imprensa joga um elefante nas costas do garoto, porque ele tem a obrigação de jogar bem como o pai dele. Tudo isso é mentira e um grande erro que os adultos cometem. Adultos frustrados por não terem tido a mesma chance de seus filhos, adultos querendo realizar seus sonhos em seus filhos, adultos achando que o filho é uma réplica do pai. Está errado. Crianças não são bonequinhos de ação que você pode fazer o que quiser. Elas vão crescer, vão ter seus próprios sonhos e objetivos. Chega de colocar uma responsabilidade naqueles que nem sabem o que é isso, mas já recebem o peso nas costas. Chega da ignorância de que o filho tem que ser a mesma coisa que o pai e se não for é um fracasso. Que venhamos a mudar o modo de pensar, para então pensar naqueles que muitas vezes sofrem sem ter culpa de nada.

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Caminhar é bom.

No mundo de hoje com todas as facilidades que temos, muitas vezes esquecemos das coisas simples. Um exemplo, utilizamos demais o carro e deixamos de caminhar, mas experimente caminhar um pouco pela manhã num dia ensolarado, o clima é bem agradável.
De vez em quando apenas precisamos de um tempo e esse pode ser seu tempo. Caminhar pode ajudar a colocar as idéias "no lugar", você pode refletir sozinho e acredito que o clima agradável e tranquilo pode ajudar a fazer isso. Caminhar também traz uma sensação de bem-estar, pois libera um hormônio que causa essa sensação de satisfação, claro que isso só acontece se a caminhada for praticada na intensidade e distância adequada. Talvez durante a semana você não tenha tempo, para caminhar, e sei que no fim de semana não é tão simples acordar cedo por vontade própria, mas acredito que o sacrifício vale a pena. É uma boa oportunidade para desestressar e sair da rotina.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Atitude

Bem, hoje entendi algo claro e óbvio que muitas vezes é oculto no cotidiano. Quando estamos em uma situação ou vivemos numa determinada rotina que parece sempre a mesma coisa, depois de um tempo acostumamos e até gostando disso, mas quando "abrimos os olhos" se torna entediante e chato se não acontece nada de novo.
Depois de ter os "olhos abertos", a situação começa a incomodar, e ela só mudará se você tomar alguma atitude de mudança. Uma vez ouvi uma palestra "nada muda se eu não mudar", de certa forma isso faz sentido, a mudança tem que partir de nós, se não ficaremos sempre na mesma.
Não basta apenas querer, tem que se levantar e fazer, se mover. Claro que começa com a vontade de mudar, mas não vai adiantar nada eu querer mudar e não fazer nada para isso. A palavra é ATITUDE, isso é fundamental para começar a transformar alguma coisa.
Quando quiser mudar algo, não fique apenas criticando, reclamando, mas tome a iniciativa, tenha atitude, pois os que só falam, apenas incomodam mais.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Concursos estranhos...

Bem, estava eu mexendo no globo.com quando vi uma foto de um cachorro transformado em camelo, fiquei curioso e fui ver o que era. Era um concurso de transformação de cães.
Então resolvi postar umas fotos aqui, sem muitos motivos.

Cãovalo

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Tirinha para descontrair...

Não sei o que você vai achar, mas eu gostei. Dei umas risadas com essa. Clique nela para ampliar.



sábado, 15 de agosto de 2009

Não me leve a mal...

Bem, tenho falado nos meus últimos posts sobre minha fé. Sim, acredito que ela pode transformar vidas, assim como a mostrada no vídeo anterior, mas não é o fato de começar a crer em Jesus Cristo que em um piscar de olhos você deixará de falhar para se tornar um ser humano perfeito. Não existe isso em nenhum lugar. O povo de Deus é composto por pessoas falhas, mas que creem Naquele que É Perfeito. A mudança de vida é feita aos poucos, assim como a água não se transforma em gelo de um minuto para o outro, a vida não é mudada num passe de mágica, mas é um processo, que tem tempo indeterminado para acabar. A fé é o alicerce para a mudança, se você não crer que Deus pode te ajudar a mudar, não adiantará muita coisa. Não sei o que você pensou ao ler os últimos posts, mas estou sendo realista, pois não criarei um mundo "cor-de-rosa", cheio de pessoas que não erram, e são totalmente solidárias. Na igreja as pessoas erram sim, mas infelizmente é criado um paradigma que não se admite o erro, criando assim um olhar de que ninguém lá pode errar, ou como é dito pecar. Mas então qual é, ou pelo menos qual deveria ser a diferença da Igreja, se as pessoas lá são normais como todas as outras? O amor. O amor deve ou deveria ser o diferencial, amar mesmo que a outra pessoa falhe, amar sem preconceitos, simplesmente amar, se importar com o outro. E como cristão tenho que assumir que em muitos lugares não tem sido esse o diferencial das igrejas. Sim, assumo nossa falha, porque como disse não irei fantasiar as coisas como "tudo é perfeito". Mas então por que estou falando tudo isso? Para esclarecer como são as coisas na vida real e para não deixar você frustado ao ir a uma igreja caso não tenha uma boa experiencia indo em uma. Por isso peço, não me leve a mal, assim como coloquei as coisas boas da minha fé, quis apenas colocar algumas limitações e falhas que temos. Ser realista é totalmente fundamental e não esconder as coisas é não ser hipócrita.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Brian Head - ex-guitarrista da banda Korn

Não preciso falar nada. Ver o vídeo é suficiente.

video

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Quando as luzes se apagam.

Observando alguns shows, apresentações e vivendo um pouco disso, percebi que é tão diferente quando há um show ou uma apresentação, o clima muda, tudo parece perfeito, quem está em cima parece que está muito feliz e de fato está mesmo, pois depois do suor, do esforço, vem a recompensa, os aplausos, os elogios. Mas e quando as luzes se apagam e o público vai embora? Como fica a vida de quem vive de shows? Quando a magia do palco termina, a vida volta a ser aquela de antes de entrar, talvez você esteja mais satisfeito, feliz ou triste, mas a vida volta a ser como era, a alegria depois de um tempo vai embora. Estava observando uma avenida da minha cidade que costuma ser bem movimentada durante o dia, mas numa madrugada de segunda feira é bem quieta e triste. O show acaba e as luzes se apagam e a vida volta a rotina, mas como preencher o vazio que fica por dentro? Jesus faz uma promessa aos Seus seguidores, que Ele estaria com eles todos os dias, até o fim dos tempos. Essa é uma companhia sobrenatural, quando há angustias por mais que não consigamos ver Ele, quando falamos com Ele, Ele traz paz, traz conforto, preenche o vazio. Quando a vida volta a ser monótona, Ele motiva a viver. Parece mentira, mas se você experimentar, conseguirá entender que o que digo é verdade. Não sou isento dos problemas, mas sei que meu Deus está acima de tudo e de todos, e esse meu Deus também é meu Pai, quando confio e entrego tudo a Ele, posso colocar a cabeça no travesseiro e dormir com paz no coração, pois sei que Ele vai me ajudar.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Pessoas pessoas, coisa à parte.

Me dei conta por quantas vezes nós deixamos de nos relacionar com as pessoas para nos envolver com coisas, principalmente tecnologia. A tecnologia é muito boa, mas também pode ser prejudicial. Não aproveitar o tempo com as pessoas trocando por um tempo na frente da TV é um erro, ainda mais quando você ou ela irá embora em breve. Acho que já falei algo relacionado com otimização do tempo, e novamente insisto que devemos colocar isso em prática. Deixar de dormir um pouco mais, de ficar no computador, para aproveitar nossas amizades, nossos familiares, é importante, não é tão simples quanto parece, pelo fato de que a tecnologia nos oferece conforto, comodidade, facilidade, mas falar com uma pessoa pelo telefone e falar pessoalmente é muito diferente não é? Por isso acredito que vale a pena deixar as algumas coisas de lado quando o assunto é pessoas, assim acho que não lamentaremos quando não estivermos mais com elas, poderemos ficar tranquilos e dizer que o tempo foi bem aproveitado. Que tal pensarmos nisso?

Igualdade

Eu penso a respeito da capacidade do ser humano de julgar. Sempre há um primeiro e um último, um melhor e um pior, muitas vezes somos incapazes de esperar nossa vez ou também muitas vezes desrespeitamos a vez do outro. É engraçado esse nosso modo de ver, talvez por isso que muitas vezes não conseguimos entender e aceitar o amor de Deus, que é incondicional. O amor de Deus não diferencia etnia, faixa etária, posição social, mas é igual para todos, e talvez isso seja o diferencial do amor de Deus. Experimentar desse amor motiva a viver e traz paz ao coração. Todos os dias Deus nos convida para experimentar desse amor, mas fica a nossa escolha experimentar ou não.
Talvez a grande pergunta seja: como experimentar o amor de Deus em um mundo cheio de caos, fome, doenças? Mas o amor de Deus é maior do que tudo isso. Cada pessoa pode experimentar esse amor de uma forma diferente, o que precisamos fazer é pedir para Ele nos mostrar Seu amor e ficarmos atentos, pois Ele é bom. Se você quer experimentar esse amor, peça a Deus, eu acredito que Ele vai te revelar, basta você ficar atento.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Humildade

Complementando o post "Aprender e fazer".
A humildade ao meu ponto de vista, uma das grandes virtudes do homem. Só para ilustrar bem facilmente, não é bem melhor estar do lado de uma pessoa simples do que de uma arrogante?
Ao decorrer da vida vamos ganhando muitas experiências e aprendemos muitos, mas acredito que o idoso mais sábio é aquele que ainda está disposto a aprender mais.
Infelizmente o que se vê hoje em dia é um monte de gente orgulhosa, arrogante, que sempre acha que é melhor que a pessoa do lado e faz questão de tentar mostrar essa suposta superioridade, e consequentemente na maioria das vezes essas pessoas estão cercadas de falsas amizades que estão interessados em algo e não na pessoa.
Alguns podem concordar com isso, outros não, mas Jesus foi um grande exemplo de humildade. Ele disse para aprender com Ele pois Ele era humilde de coração. Humildade demonstrada através não só das suas falas, mas também e principalmente das suas atitudes, pois não curava e nem fazia milagres para se exibir, estufar o peito e falar "Eu sou o Filho de Deus", mas sim porque as pessoas estavam ardentes por uma mudança nas suas vidas.
Então sempre estar disposto a aprender, a ouvir outra pessoa ensinando acredito que não é somente bom, mas também muito valioso, pois conhecimento não se pode roubar (como já disse no outro post).

sábado, 11 de julho de 2009

Aqueles dias...

Talvez eu esteja naqueles dias, você já passou por isso também? Calma, não estou falando da TPM ou algo do tipo, mas sim daqueles dias em que as coisas parecem não dar certo, em que você planeja algo e dá tudo errado. É...infelizmente a vida tem seus altos e baixos, e esses momentos não são nada agradáveis. Bem, acho que tudo mundo já passou por momentos desesperadores os quais simplesmente dá vontade de jogar tudo para o alto e sair correndo para lugar nenhum, em que a angústia parece não ter fim e a solução parece distante. Mas sinceramente, acho que não há outra solução a não ser confiar em Deus e tentar continuar mesmo em meio as dificuldades, uma hora as coisas vão se resolver, não sei quanto tempo pode demorar, talvez uma noite, uma semana, uma década, mas uma hora vai passar.
Tem uma música que acho bem interessante, se chama "Noite" da banda "Pimentas".
Ela fala sobre esses momentos difícies e sobre ter esperança mesmo quando não se consegue ver a solução. Isso é fé, acreditar em algo que não se vê. Fé e amor em/por Deus são palavras chaves para continuar a caminhar.
Esse é o link da música
http://www.youtube.com/watch?v=g9weXJgnJh8

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Sem PC...

É tão complicado ficar sem computador, me sinto meio desligado do mundo. Meu computador simplesmente parou de funcionar, ainda não levei para ver o que aconteceu, isso juntando com o esquecimento das idéias que tinha resultou no longo tempo sem postagem, mas em breve postarei novamente...

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Aprender e fazer

Até onde você está disposto a aprender?
Seria você sábio o suficiente para não precisar aprender mais nada?
Descobri que na vida temos que absorver o máximo de coisas possíveis. Tanto porque o conhecimento não se pode roubar, então se torna algo de grande valor.
Claro que nem sempre estou disposto a aprender, porque em muitas vezes são inúmeras as dificuldades: sono, preguiça, barulheira, fome e outras coisas mais. Então como fazer para sempre procurar aprender?
Acredito que o mais importante não é sermos perfeitos ou coisa do tipo, mas sim darmos nosso melhor naquilo que fazemos. Ouvi isso em palestras e em outras ocasiões, quando for fazer algo, procurar fazer bem feito. Infelizmente muitas vezes queremos fazer as coisas com pressa e então acaba saindo algo de qualquer jeito. É uma mania que temos quer mudar. Não estou sendo contra fazer as coisas com pressa, tudo bem que tem o ditado "a pressa é inimiga da perfeição", mas no caso independente do tempo, faça o melhor que você puder. Nem sempre o resultado poderá ser o melhor, mas pelo menos você poderá pensar, fiz meu melhor, e isso já valeu a pena.
Quando procuramos aprender o máximo e dar nosso máximo quando formos fazer algo, isso às vezes pode ser muito mais recompensador do que um prêmio ou um elogio.
Por que não tentar então colocar isso em prática?

terça-feira, 23 de junho de 2009

Persistência...

Hoje um professor meu disse uma coisa e acho que é verdade, você já percebeu que as pessoas aderem a algo facilmente, mas nem sempre persistem naquilo?
Por exemplo, dieta, um monte de gente chega e fala "vou começar a dieta na segunda", então começa a dieta, faz ela certinho na segunda, na terça, chega na quarta e já começa a pensar duas vezes, na quinta ela já nem lembra mais que está de dieta e só lembra no domingo.
Por que não conseguimos persistir muito tempo quando as coisas não são fáceis? Precisamos adotar outra postura, uma postura firme, determinada. Quando acreditamos em algo que não seja por qualquer bobagem que devemos desistir, mas sim perseverar mesmo quando as coisas não parecerem favoráveis. Não simplesmente começar a caminhar, mas continuar até chegar ao final.

domingo, 21 de junho de 2009

Incompreensão...

Percebi que muitas vezes as pessoas são intolerantes, acham que por elas pensarem daquela forma você tem que pensar assim também. Já falei algo nesse sentido num outro post, mas dessa vez vim falar do outro lado, do lado daqueles que são incompreendidos.
Algumas coisas que faço são um pouco fora do normal, por exemplo, dependendo do lugar posso ir de carro, posso conseguir uma carona, mas prefiro ir andando. Normalmente as pessoas preferem ir de carro, mas particularmente também gosto bastante de andar, porque é um momento de reflexão, de tirar o stress, de movimentar o corpo, e quando falo que quero ir andando em vez de ir de carro, algumas pessoas chegam e simplesmente falam "mas por que você não vai de carro?", e eu respondo "porque não quero, quero ir andando", e elas me olham com um olhar de não digo desprezo, mas de "você não é inteligente né?".
Também já fui aquele que faz isso, que olha para o outro e não entende o motivo dele preferir aquilo sendo que a outra opção é aparentemente melhor, mas entendi que o que pode ser o melhor para mim, pode não ser o melhor para ele e vice-versa.
Então, entender e respeitar a escolha do outro é muito importante para vivermos nessa sociedade cheia de escolhas.

domingo, 14 de junho de 2009

Ainda não é o fim...

Estava vendo, muitas pessoas muitas vezes se deparam com situações em sua vida que parece ser o fundo do poço, que não há mais solução, que não há mais esperanças. Não desista, ainda não é o fim, há Alguém que se importa com você, e esse Alguém é Deus. Deus não quer que você sofra sozinho, outro dia li um livro e uma coisa é verdade. Às vezes falamos "Deus vai resolver todos os seus problemas", "Deus vai saldar todas as suas dívidas", mas acima disso, Deus te ama, sim, Ele não quer que você sofra, mas caso você sofra, Ele quer estar com você nesses momentos. Nos momentos de dor, de angústia, Ele quer estar ao seu lado para te consolar, te dar forças. Talvez hoje você não se encontre numa situação difícil, numa situação desesperadora e pense "Ah! Eu não preciso de Deus, minha vida vai bem.", caso um dia você estiver numa situação ruim e então se lembrar disso que está escrito aqui, você pode chamar Ele, você pode pedir socorro para Ele, e Ele te ouvirá e estará com você, porque acima das suas escolhas, acima das suas opiniões e seus conceitos, Deus te ama, e a prova disso, foi Jesus Cristo sendo pendurado numa cruz para sofrer nossa dor.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Beautiful Day

Hoje estava voltando de ônibus, vi o céu meio vermelho, então me veio um sentimento diferente, uma nostalgia, de dias bons que já vivi, dias que não consigo expressar em palavras, mas foram dias em que no meu pensamento foram bem aproveitados. Então esse sentimento me fez me sentir bem. É tão bom isso, você sentir "hoje meu dia foi bom" ou "hoje valeu a pena". Ainda que não tenha acontecido algo diferente, ainda que não tenha ganhado nada, é bom quando o dia normal se torna de certa forma bom e bem aproveitado, isso dá mais força para o dia seguinte. Sensação de dever cumprido, de paz no coração, isso não há dinheiro que pague...

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Somos todos iguais e diferentes

Antes de falar sobre o título, que tal fazermos uma dinâmica imaginária?
Escreverei aqui um cenário, quero que você imagine (desenhando em sua mente).
"Havia uma rua no centro da cidade, na rua morava José, Rita, sua mulher e Débora e Marcos, seus filhos. Nessa rua havia um banco, uma banca de revistas, uma padaria e um lanche que só abria anoite. José e sua família tinham um cachorro, Tatu, o amigo fiel da família."
Imaginou? Se nós fossemos desenhar aquilo que imaginamos, tenho certeza que seu desenho não seria igual o meu. Sabe por que? Porque temos cabeças diferente, porque pensamos, imaginamos diferente. "Uau, grande descoberta". Calma, ainda não terminei.
Pare para pensar, quantas vezes você ouviu alguém dizer algo tão óbvio e até satirizou a pessoa? Mais ou menos que nem eu fiz aqui em cima. Como disse, nós pensamos, imaginamos diferente, nem sempre o que é óbvio para você é óbvio para mim ou para outra pessoa. Onde quero chegar, nós todos somos iguais e ao mesmo tempo diferentes. Iguais por que? Sendo que não temos a mesma etnia ou somos de países diferentes?
Todos nós somos seres humanos, com limitações, qualidades e defeitos, diante disso todos somos iguais e ao mesmo tempo somos diferentes, porque cada um tem sua característica especifica, cada um tem seu modo de pensar, mesmo que todos tenhamos um cérebro, um coração. Você já parou para pensar o quanto você é importante?
"Mas importante? Eu? Eu nem sou nada." Sim, você é, você é você. Não tem ninguém nesse mundo que consiga ser exatamente igual a você, podem te imitar, mas ser exatamente igual, é impossível. Por isso que digo, somos importantes, é importante saber respeitar o outro, porque assim como você, ele também é único.
Diria que somos como pedras preciosas, jóias raras, únicos. Ao dizer isso não consigo não pensar que somos assim porque Deus nos criou únicos, não somos um monte de peça colocadas em formas iguais, mas cada um tem um traço especifíco, porque Deus assim fez, e então digo, olhe o cuidado que Deus tem com você, te fazendo único. Se Ele não se importasse com nós, seríamos todos iguais, e imagine, como seria chato viver aqui.
O frasco pode ser até semelhante, mas a essência é única. Para formar cada essência, o Criador tomou o máximo de cuidado, para então fazer uma essência nova.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Paradigmas

Hoje ouvi uma história sobre paradigmas bem interessante. Paradigmas são pré conceitos que temos, e não podemos deixar isso limitar nosso pensamento.
A história se passa em 4 momentos.
1- "Toninho um contador, 58 anos, calvo, um pouco gordinho, está em seu escritório com pilha de papéis, três telefones tocando ao mesmo tempo"
2- "Toninho está na sacada de um apartamento tranquilo, Toninha, baixinha e meio gordinha também, 55 anos, traz uns petiscos e uma cervejinha para ele."
3- "Toninho se perfuma, se arruma todo e vai ao encontro de Jaqueline, uma moça, alta, bela, com uma garrafa de champagne e caviar para levar a Toninho."
4- "Toninho novamente em seu escritório, então recebe uma ligação, era Toninha: Toninho, hoje é seu aniversário, nós poderíamos comemorar. Toninho em meio aos papéis responde: ok, estou cheio de trabalho, assim que terminar te ligo e nós vemos. Um pouco depois pega o telefone e liga para Jaqueline: Acabei esquecendo, hoje é meu aniversário e assim que terminar as coisas aqui te ligo. Um tempo depois ouve-se passos no corredor do escritório, é Toninha, com um bolinho com 59 velinhas na mão. Ela diz: Como vi que você estava ocupado resolvi vim aqui para nós comemorarmos. E então ouve-ve um barulho de salto alto no corredor, era Jaqueline que chega e diz: Toninho, meu marido, quem é essa aí?"
Moral da história, Toninho era casado com Jaqueline e Toninha era sua amante. Nem tudo é o que parece.
Em nenhum momento foi dito quem era a amante e a esposa, mas nosso cérebro já estava com um paradigma(Ou você vai me dizer que não pensou que Jaqueline era a amante?). Isso muitas vezes impede de irmos além, de abrirmos nosso pensamento, de ver as coisas de outra forma.
Por que não pensar de outra forma? Deixar de lado alguns paradigmas?
Acho que assim poderemos viver aproveitando mais.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Futebol engraçado

video
Hora de dar umas risadas, eu não sei como é o som do vídeo, meu computador está sem som, por isso caso seja irritante, por favor abaixe e veja só as imagens, elas valem a pena.

domingo, 24 de maio de 2009

Herrar é Umano

Tenho visto isso cada vez mais real: "O erro com certeza ensina muito mais do que o acerto".
Quando erramos, aquilo pesa, nos marca, de tal forma que quando acontece algo semelhante queremos fazer diferente e acertar, ser bem sucedido. Infelizmente nem sempre conseguimos afinal "Herrar é Umano". Num mundo em meio ao perfeccionismo, que só o melhor interessa, é complicado ser tolerante diante do erro, mas não seria essa a atitude correta? Claro que não é assim que os chefes olham para seus funcionários quando eles lhe dão um prejuízo alto, mas quando a relação é de pessoa-pessoa sem envolver hierarquias, por que não saber perdoar o erro? Por que não levar em consideração que o outro está sujeito ao erro tanto quanto nós? Devemos entender que somos todos iguais, que somos falhos e que também uma acusação pode machucar uma pessoa, um apontar de dedo pode ferir pronfundamente. Pensar antes de agir se torna fundamental, para corrigir com sabedoria e também aceitar e se necessário perdoar o erro.

sábado, 23 de maio de 2009

Quando a inspiração demora para vir

O complicado de escrever um blog é que no começo você faz tudo animado, sempre tem idéias novas e ainda de brinde as palavras parecem surgir nas suas mãos. Bem, pelo menos comigo foi assim. Não sei exatamente quanto tempo tem esse blog, imagino que uns 2 meses, tempo suficiente para as idéias começarem a ficar mais embassadas, as palavras embaralhadas e a mente sem inspiração. E agora? O que fazer para não deixar isso uma, duas, três semana sem post? Ainda procuro por essa resposta, uma fórmula ou um método de arranjar nova inspiração para então voltar a escrever. Já tive algumas idéias durante o tempo sem postar, mas devido a correria não pude vir aqui e depois acabei esquecendo, pior que é complicado lembrar e também a ídeia não vem da mesma forma. Mas mesmo assim, serei perseverante, porque a mente humana é capaz de pensar em coisas novas, afinal, não descobri tudo e jamais descobrirei, em outras palavras, poderei sempre pensar em idéias novas para postar.

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Adaptações

Já faz algum tempo que gostaria de escrever sobre isso, mas ainda estava pensando como iria escrever.
É engraçado como nosso corpo é, ou melhor, como o ser humano é. A capacidade de adaptação a diversas situações é incrível.
Eu não gostava de frio, nem de chuva, por dar preguiça e dar trabalho para sair de casa e ficar seco, mas ultimamente tenho me sentido mais adaptado a essas situações e até tenho começado a gostar, mais do frio do que da chuva. Acredito que boa parte dessa mudança se deve ao clima da minha cidade. Começou a esfriar aqui e me sinto mais familiarizado com isso. Ainda a preguiça bate a porta, mas é um pouco diferente agora, justamente pela minha adaptação.
Esse é um simples exemplo da capacidade do ser humano, ainda há muitos outros e muito mais impressionantes, tais como, homens que vivem no deserto ou no meio do gelo, pessoas que conseguem fazer coisas elásticas com o corpo e outros.
Muitas vezes nos adaptamos sem perceber, mas se nos foi dada essa capacidade, devemos tentar aprender a utilizá-la melhor, e quando as situações estiverem difícies ou complicadas, procurar se adaptar para então seguir em frente, procurando fazer as coisas melhorarem.

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Realidades distintas, pensamentos distintos.

Qual é a sua realidade? Já parou para pensar que a sua realidade pode não ser a mesma realidade do seu vizinho? Cada um de nós vive uma realidade, um situação, cada um é criado e educado de uma forma. Ao olhar para pessoas que cometem loucuras, coisas bizarras, é muito fácil julgar e condenar, mas devemos ir além, e estudar a realidade em que ela vive. Talvez sua educação tenha sido diferente da dela, seu modo de ver o mundo corretamente também. Muitas vezes acabamos sendo ignorantes achando que todos enxergam as coisas do mesmo modo que nós e então somos hostis ou impacientes com essas pessoas. Ser tolerante e paciente não é fácil, mas muitas vezes é necessário para um convivio melhor. Qual é a vantagem de viver o dia inteiro brigando com todos ao seu redor? Do que adianta ter a razão em todas as discussões mas ter todos contra você? Acredito que tudo é uma questão de bom senso, é fácil isso? Não. Mas acredito que é possível, usar um pouco mais a cabeça antes de agir e cometer algum ato que irá gerar arrependimento depois.

sábado, 9 de maio de 2009

Dificuldades...

No nosso dia-a-dia nem sempre as coisas saem como o planejado, e às vezes acabamos passando por situações que não gostaríamos de passar. Situações dolorosas, situações angustiantes, situações de stress. Nesses momentos nós vemos quem nós realmente somos. Não sei se você já parou para perceber isso. Momentos de crise são momentos em que nós deixamos toda a aparência de lado e mostramos o que se passa de verdade dentro dos nossos corações. Não são fáceis, nem prazerosos, mas são nesses momentos em que nós crescemos. São momentos de crise que nos fazem sair da nossa acomodação e lutar a todo custo para vencer. Mas essas situações se passarmos sozinhos ficam muito maiores e mais difícies, por isso é importante contar com pessoas confiáveis, porque são elas quem nos ajudarão a levantar e a seguir em frente, a carregar aquilo que está pesado para nós. Apesar de que...há situações em que pessoas não podem fazer mais nada, entra então um fator importante, fé em Deus. Confiar que Deus sabe o que faz e que se pedirmos a ajuda Dele, Ele nos ajudará, eu considero algo fundamental para minha vida. Porque uma vez ouvi dizer, que Deus não é um homem velho e barbudo que fica sentado num trono apenas dando ordens, vendo a desgraça do mundo, mas é Alguém presente, que se importa com o que acontece com nós, mesmo quando não nos importamos com Ele. Talvez você não concorde comigo, mas digo, não apenas de ouvir falar, mas tenho visto isso, porque nos momentos de crise, é Ele Quem me ajuda sempre, de um jeito ou de outro. Quando as coisas saem do controle, Ele sempre está com a mão estendida para nos ajudar, para isso basta apenas crer e assim momentos de crise com certeza são momentos de aprender e crescer.

sábado, 2 de maio de 2009

Péssimo hábito...

Estava outro dia dentro de um ônibus, e reparei que as pessoas tem o péssimo hábito (ou vício) de jogar lixo pela janela. Ontem andando em volta de um lago da minha cidade avistei diversas garrafas pet de 2 litros, sacos plásticos e outros lixos. O brasileiro infelizmente não tem a cultura do "jogue no lugar certo", desde de crianças, já somos ensinados a jogar aonde estamos, independente se é um parque, uma praia, no meio da rua, o importante é se livrar do lixo. Resultado disso tudo é uma cidade feia, suja e com tendencias a sofrer inundações e enchentes. A clássica frase "jogar lixo no lixo" parece ser nula em meio a sociedade, é lamentável isso. Propagandas demonstram a gravidade de se jogar lixo em qualquer lugar, mas ao ver isso as pessoas pensam "Ah! Isso é para os que desmatam a Amazônia" ou "Ah! Meu vizinho tinha que ver essa propaganda!", mas antes de olhar para o lixo do vizinho, que tal olharmos para o nosso? A começar em nós a mudança e uma frase é interessante "antes tire a trave do seu olho para então tirar o cisco no olho do outro". Façamos então nossa parte.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Quando o corpo não corresponde...

Estou em uma situação que não desejo pra você, estou doente, acho que começando a pegar sinusite. Sinto meus braços e pernas moles, minha cabeça dói e ainda tenho provas essa semana, apesar de que o feriado me dá um pouco de consolo.
É estranho quando entramos em situações que por mais que você queira, seu corpo não responde ao seu comando. É muito ruim isso. Tenho corrido para lá e para cá esses últimos tempos, tenho viajado, aproveitado. Coisas legais aconteceram nas viagens e isso é uma das coisas que me motiva a continuar mesmo com meu corpo falhando. Tenho me esforçado, para não perder aulas, para continuar normalmente com os compromissos, porque sei que existiram outros que já estiveram em situações piores e nem por isso largaram tudo o que tinham que fazer, muito pelo contrário, tiveram forças para continuar e terminar aquilo que estavam planejando no começo. Eles me inspiram e preciso seguir em frente independente das circunstâncias. A palavra chave é "superação". Superar as barreiras da dor, do cansaço, superar as dificuldades. Mesmo quando o corpo não corresponde, devemos nos esforçar para obter superação.

sábado, 25 de abril de 2009

Perdas, dores, há alguma esperança?

Estava pensando agora, a vida passa tão rápido não é mesmo? Você está na escola ainda e de repente quando olha ao seu redor já está trabalhando, correndo para lá e para cá.
Olha novamente e já está casado, tem filhos, quando menos percebe já é avô e a vida já se passou diante de seus olhos. É complicado pensar que tudo passa tão rápido, ao mesmo tempo que é triste. É difícil ver pessoas queridas indo embora, quando se perde alguém, o lugar da pessoa continua no coração, mas ela já não se encontra mais aqui. Perder alguém dói muito, mas infelizmente não tem como mudar as coisas, a vida é assim e ponto final.
Uma esperança resta, que é a de que há algo além dessa vida. Crer que há vida eterna e que nessa vida as lágrimas de dor não existem, que o sofrimento não é conhecido, mas a alegria é constante e imutável.
Eu creio nessa vida, e tenho bastante convicção que ela de fato existe, mas só há um modo de consegui-la, crendo em Alguém que pode dá-la. Jesus Cristo desceu do Céu e viveu na Terra, sofreu e passou todos os tipos de aflições, morreu, mas ressucitou, e tem poder para dar vida eterna a quem O ter em seu coração. Cristo é a esperança da vida após essa, é a chave para a entrar na porta da vida eterna.
Não acho que escolher crer nessa chave possa gerar algum arrependimento, mas sim a alegria e a paz de poder viver sabendo que há algo além dessa vida e que esse algo é muito bom.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Ranzinzas, impacientes, insatisfeitos...

Estava reparando outro dia, você já parou pra pensar, quantas vezes no dia você reclama de algo? Que não está satisfeito com algo? Que não aguenta esperar?
Sabe o que comecei a concluir? Que muitas vezes somos tão mimados, tão cheios de frescuras que não aceitamos esperar, não aceitamos o diferente, mas reclamamos e olhamos somente para nosso nariz. Quanto egoísmo. Precisamos aprender que o mundo não gira ao nosso redor, que nunca vai ser exatamente do modo que nós queremos. Precisamos entender que há outras opiniões, outras vontades, que há impossibilidades, que nem tudo é igual ao micro-ondas que é só colocar, esperar uns segundos e abrir porque já está pronto. Devemos deixar de ser ranzinzas, impacientes e insatisfeitos, Deus conhece a todos,sabe o tempo certo e o que deve acontecer, reclamar daquilo que acontece, ou que não acontece é a mesma coisa que dizer que Deus está errado e que Ele não sabe o que faz e também, reclamar não nos levará a lugar nenhum. Comecei a pensar nisso depois de assumir várias responsabilidades e não conseguir cumprir com todas, então as queixas começaram a aparecer, então parei e pensei, por qual motivo estou reclamando sendo que eu mesmo quis tudo isso? Pare e pense também, você tem sido ranzinza, impaciente e insatisfeito?

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Recomeço

Estou estudando outro idioma, e não está sendo muito fácil. Todo idioma tem suas regras gramaticais, modo de escrita e de pronuncia. Me lembrei durante uma aula de algumas coisas que no ínicio foram muito complicadas mas depois se tornaram normais na minha vida, como por exemplo o próprio portguês, tive que me esforçar no começo para aprender vogais, alfabeto e assim também está sendo para aprender essa nova língua.
Quando aprendi o português era apenas uma criança que não sabia ler e escrever, então ouvia as lições, correções e talvez até algumas broncas da professora, nem sempre ouvia atentamente, algumas vezes ouvia sem atenção, algumas vezes sem dar muita importância, mesmo assim a professora continuava a tentar ensinar minha sala. Ela foi perseverante e não desanimou, o resultado foi que todos aprenderam.
Assim também é na nossa vida, as vezes temos que ser como crianças que procuram aprender, ouvindo humildemente e prestando bastante atenção, Deus é Nosso Professor, pois está sempre querendo ensinar alguma coisa aos seus alunos,mesmo que eles não ouçam com atenção ou sejam indiferentes, Ele continua perseverante. Iremos nós aprender o que Ele que nos ensinar? As vezes é preciso recomeçar para aprender o modo certo.

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Troca

Acho que todos já devem ter assistido um vídeo desses, para descontrair um pouco resolvi colocar esse que achei bem engraçado.
video

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Mentiras,mentiras e mais mentiras...

Hoje essa atitude se tornou comum, um boato se espalha e rapidamente todos já estão sabendo daquilo que não passa de uma mentira. É complicado entrar em sites e ver que 90% das notícias giram em torno de achismos e fontes sem certeza, um monte de notícias que são em muitas vezes criadas pela própria mídia para então chamar a atenção do público, depois que a verdade é descoberta aquilo passa e as pessoas voltam a dar atenção a mídia e até ser novamente enganada por ela.
Mentiras que servem para chamar a atenção, para alivar a barra, para trapacear, para causar destruição.Palavras ditas são muito signficativas, elas podem salvar ou destruir uma vida.
Então a pergunta é, o que os mentirosos ganham com a mentira? Talvez pode até ser que momentaneamente eles consigam o que querem, mas uma hora aquilo será descoberto e será muito pior para o mentiroso, pois será exposto e passará vergonha. Em casos de amizade, quando uma pessoa mente para a outra e essa descobre sua mentira, é muito mais difícil a confiança voltar.Nos dias atuais para conquistar a confiança de alguém é um pouco difícil, mas mais difícil ainda é reconquistar essa confiança. Apenas o perdão pode restaurar uma amizade quebrada pela mentira.
No caso da mídia devemos ficar atentos aquilo lemos, que assistimos e ouvimos, pois tudo aquilo pode ser somente para atrair mais olhares. Por isso é importante ter senso crítico diante das informações passadas e não simplesmente ouvir e sair falando por aí.
Que nós possamos usar nossa cabeça para pensar e não somente ocupar lugar no nosso corpo, pois se a inteligência nos foi dada é para usarmos ela e se possível da forma correta, para contrução e não destruição, para o amor e não o ódio, para coisas úteis e não as coisas fúteis, para dizer a verdade e não a mentira.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Eu te conheço? Quem é você?

Estava pensando hoje, nos dias atuais as pessoas ficam tão preocupadas com "o que os outros vão pensar de mim?", tendo então atitudes da "pessoa perfeita",isso para tentar não demonstrar aos outros que também é um ser humano que erra. Mesmo tentando usar um disfarce, haverá uma hora que a pessoa será ela mesma, normalmente quando está sozinha. Então pergunto, quem é você? Há uma música que diz "o que você faz quando ninguém te vê fazendo?", essas atitudes que você tem quando ninguém te vê demonstra de fato quem você é.
Do que adianta parecermos perfeitos se de fato não somos? Talvez outras pessoas nos reconheçam e façam elogios, mas de que adianta tudo isso? Claro, é bom ser elogiado, é bom ser reconhecido, mas qual é a graça de sermos elogiados e reconhecidos por não sermos nós mesmos? Para que então ser uma pessoa com inúmeras faces? No trabalho é de um jeito, em casa outro, no futebol outro, na frente da namorada outro, e quando todos descobrirem a verdade? Será que valerá a pena ter mentido todo esse tempo?
Particularmente, acho que prefiro ser reconhecido como alguém falho, mas que é verdadeiro do que como alguém que é o máximo não sendo quem sou de verdade.
Talvez ficou um pouco confusa essa última parte, mas resumindo, não importa quem você é, apenas seja você.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Cozinhar e ter postura...

Não esse post não é sobre comida, mas a relacionarei aqui. Ontem fui cozinhar uma carne para comer, fazia tempo que não cozinhava e foi um pouco complicado, pois por mais que eu lembrasse a teoria, a prática não era tão simples. Temperei a carne e coloquei ela na panela com óleo quente, em pouco tempo ela começou a fritar e espirrar óleo para fora da panela. Não me lembrava direito daquela sensação, de sentir algo quase invisível fazer arder minha pele, passava pela minha cabeça de como as pessoas que cozinham diariamente não se importam mais com aquilo e me lembrei que o corpo se acostuma com o tempo com essa situação. Há situações diárias que antes eram ou na teoria são coisas erradas, ruins, que machucam, com o passar dos dias acabamos nos acostumando com essas situações e se tornam normais, assim como as gotículas de óleo quente na pele de quem cozinha, mas isso não muda o fato de aquilo arde ou dói. O maior exemplo que ainda cito é a falta de amor, sentimentos são estranhos e imprevisíveis, mas devemos parar para pensar nisso, onde está o amor? E aquela frase que diz "faça aos outros o que quer que façam a você"? Devemos tomar uma postura diante todos esses fatos, o óleo quente em pouca quantidade apenas faz a pele arder um pouco, mas se for despejado em grande quantidade pode causar uma grave queimadura, e assim também as atitudes do cotidiano, algumas são pequenas e quase imperceptíveis, mas se colocadas ao mesmo tempo causam um grande estrago no coração. E por mais que esteja falando isso, também sou alguém que precisa parar para refletir mais nisso e agir com mais amor, que tal pensarmos nisso e tomarmos uma postura diante disso juntos?

quarta-feira, 1 de abril de 2009

A história da Vida...

Desculpe a demora para postar aqui, andei ocupado esses últimos dias e também pensei bastante a respeito desse post.
Vou contar uma história através de comparações e espero que você entenda a lógica da história.
Havia uma praia no nordeste brasileiro, linda, com uma areia branca, um Sol perfeito para um dia na praia. Ali também havia um rapaz que fazia lembranças da cidade com areia.
Ele trabalhava durante aquele dia, mas o tempo começou a fechar, nuvens escuras começaram a invadir o céu, o vento começou a ficar forte, o mar agitado. Todas as outras pessoas da praia pegaram suas coisas e foram embora, mas o rapaz ainda tinha alguns para fazer, então foi correndo até sua casa, pegou um guarda-sol e mesmo vindo a chuva ele continuou pegando areia para fazer suas esculturas. Depois de conseguir pegar o tanto de areia que precisava, foi embora para casa e um temporal muito forte caiu naquele dia, quebrando seu guarda-sol. O rapaz era de uma família muito simples, não tinham muitos recursos e com aquele temporal acabou pegando uma pneumonia, falecendo dias depois. Apesar de ter dado sua vida pelo seu trabalho, era aquilo que ele amava.

Nós somos como os grão de areia, Deus quando criou o Universo e os homens queria que eles vivessem juntos, mas devido ao orgulho, a mentira, a inveja, a ira, os homens começaram a se afastar e também afastar-se de Deus, que foi comparado ao Sol. O orgulho, a mentira, a inveja, a ira, e outras coisas são os ventos que separam os homens e trazem as nuvens de chuva, que agitam o mar, fazendo com que a vida não seja tão bela quanto poderia ser, muito pelo contrário, fazem da vida uma vida triste, solitária. Em todo o tempo da humanidade, Jesus sempre a quis perto Dele, por isso Ele se dedicava todos os dias pegando os grãos de areia para suas esculturas. Mesmo a humanidade tendo problemas, Ele a amou dando sua própria vida para conseguir pegar os grãos de areia. As esculturas que o rapaz fazia pode ser comparado com o Reino do Céu, Jesus sempre quer mais grãos de areia para compor o Seu Reino. Jesus deu Sua vida por nós, Ele saiu de sua majestade no Céu e veio na Terra como homem por causa dos nossos erros, e pagou com sua própria vida nossas falhas. Cada gota de sangue que Ele derramou na cruz foi que selou denovo a amizade com Deus, foi o que fez o Sol reaparecer na praia. Jesus morreu, mas três dias depois ressucitou vencendo a morte e hoje reina em glória e um dia Ele voltará para buscar os grãos de areia para Sua escultura, e Ele tem um desejo em Seu coração que eu já disse ali em cima, que mais grãos de areia venham compor Sua escultura. Mas como?? Como fazer parte do Reino de Cristo? Recebendo Jesus em seu coração. Se você acredita nessa história e quer fazer parte da escultura de Deus, te convido a fazer uma oração. "Senhor Jesus, muito obrigado por tudo o que o Senhor fez na cruz por mim, por pagar o preço da minha vida, peço perdão pelos meus erros e pecados, quero Te entregar agora minha vida, pois reconheço Você como Senhor e Salvador dela, no Seu Nome eu oro, amém."
Caso você tenha alguma dúvida deixe um comentário, os comentários desse blog são moderados então ele não aparecerá logo que você escrever, então pode me escrever, deixar email que responderei.
Desculpe o post gigantesco, mas espero que tenha valido a pena.

terça-feira, 24 de março de 2009

Por que? Por que? Por que?[3]

"A maior atitude de amor é dar a sua própria vida", uma vez eu li uma reportagem de um prédio que começou a pegar fogo e o único meio de sair dele era através do elevador, então o ascensorista subia e descia com pessoas dentro, chegou um momento em que disseram para ele, "É melhor você parar porque o fogo está muito forte", mesmo assim ele continuou subindo e descendo, depois seu corpo foi encontrado carbonizado, mas muitas vidas foram salvas por causa desse ato. Provavelmente ele não era amigo de todos os que salvou, talvez nem os conhecesse, mas foi até o final para ajudar aquelas pessoas.
Essa foi uma atitude que realmente me deixou impressionado, mas ainda acredito que há outra ainda maior, uma que tem passado pelos séculos e milênios, que tem salvado milhares de vidas. Nesta altura você já deve saber que falo da atitude de amor de Jesus Cristo. Talvez você já tenha ouvido falar dessa história muitas vezes, sempre a mesma coisa, mas quero conta-la de uma forma diferente. Se você tiver curiosidade e coragem de ler, entre nos próximos dias, eu acredito que depois de ler e entender de verdade essa história, sua vida nunca mais vai ser a mesma...

sexta-feira, 20 de março de 2009

Por que? Por que? Por que?[2]

Então se não nascemos por acaso, se não somos um acidente, o que estamos fazendo aqui? Por que a humanidade age dessa forma?
Acho que as coisas são simples, mas nós complicamos tudo. Acredito que o homem nasceu com um propósito, que é amar e ser amado, porque se não fosse assim todos nós viveríamos isolados. Infelizmente nem todos entendem isso e começam a viver como se o mundo girasse em torno deles, em outras palavras, de uma forma egoísta, sem se lembrar que o amor é um sentimento que gera importancia do outro.
Por isso escrevo sobre questões cotidianas, sobre situações em que mostram que muitas vezes nosso orgulho, nossa ganância, nossa inveja faz com que amemos mais as coisas do que as pessoas. Pelo fato de nascermos para amar, amamos as coisas, mas a pergunta é: "Essas coisas nos amam também?" Objetos não tem sentimentos, não tem vida. Por isso é dever da humanidade se amar.
O amor não é algo que se explica com palavras, mas pode ser demonstrado através de atitudes. Ouvi que a maior atitude de amor é dar a vida por outra pessoa, e acredito que isso é verdade...
Continua...

segunda-feira, 16 de março de 2009

Por que? Por que? Por que?

Tenho falado sobre cotidiano, sobre escolhas, sobre viver sem se arrepender, mas qual é o verdadeiro motivo disso tudo? Por que digo essas coisas?
Gosto bastante de refletir nessas questões, um dia me falaram uma coisa e acredito nisso até então. "Não fomos criados por acaso, não somos um acidente..."
Continua...

domingo, 15 de março de 2009

Domingo

Estava reparando hoje, assim como os dias de chuva, domingos são dias em que a preguiça aumenta. Por que estou falando isso? Estava voltando para casa depois de comer no shopping e reparei que as ruas estavam muito vazias, eram poucos os que caminhavam também.
Pelos dias que vivi percebi que domingo é o dia de ficar em casa ou ir na casa de um parente ou amigo almoçar, ou então dia de ir ao shopping. É o bendito dia do descanso do lazer, mas então por que não unir o útil ao agradável? Passando então esse dia na companhia das pessoas que amamos, nem que for somente para descansar perto delas, conversar um pouco, rir, ver futebol na tv ou qualquer outra coisa, o importante é aproveitar esse dia que estamos mais livres das obrigações.

quinta-feira, 12 de março de 2009

A razão dela ficar brava comigo

Muito bom. Esse é um programa japones onde eles fazem alguma encenação diferente com a ajuda do fundo preto.

video

quarta-feira, 11 de março de 2009

Oportunidades

Bem, ontem escrevi um pouco que escolhas são difíceis, hoje voltarei a escrever rapidamente sobre isso e ainda incluirei o assunto "oportunidades" no post.
Devido ao acontecimento de ontem (assumi uma responsabilidade) como disse teria que me reprogramar semanalmente, hoje depois da aula comecei a fazer isso, fui resolver um assunto por isso perdi os ônibus principais, depois de ter resolvido o assunto, estava indo em direção ao ponto de ônibus até que vi um com poucas pessoas dentro, pensei se corria ou se esperava, e como não tinha horário pra voltar eu resolvi esperar. Péssima escolha, fiquei entre 30 a 40 minutos esperando um ônibus que eu conseguisse entrar, pois os outros 3 que passaram estavam simplesmente lotados. Então pensei, "se tivesse feito a escolha certa e agarrado a oportunidade eu já estaria almoçando em casa". Na vida temos que fazer escolhas e isso não é fácil (como já disse ontem) e ainda devemos ficar atento as oportunidade que nos aparece, porque pode fazer muita diferença agora ou no futuro. O exemplo que eu vivi é bem simples, mas isso poderia ter sido num assunto mais sério. Completando o post de ontem, depois de darmos o primeiro passo devemos ficar atentos as oportunidades e assim caminhar passo após passo até atingir o objetivo final.

terça-feira, 10 de março de 2009

Escolhas

Hoje entrei numa situação em que precisava decidir algo importante em alguns minutos talvez até segundos, falei que assumiria um compromisso e depois fiquei pensando se realmente era aquilo que eu queria, talvez ainda desse tempo de recusar, mas pensei bastante e resolvi tentar refazer meu planejamento semanal, espero que dê certo. Escolhas são complicadas, elas podem mudar o rumo da vida, por isso é importante ver se aquela escolha vale a pena, se valer não adianta ficar esperando ela vir até você, mas quando almejamos algo precisamos dar o primeiro passo para assim as coisas começarem a acontecer e então andar passo após passo até atingir o objetivo final.

segunda-feira, 9 de março de 2009

Falta de consciência

De um tempo pra cá tenho visto uma situação bastante incomoda, estudo em um lugar perto de um hospital e sempre o ônibus por volta do meio dia vai lotado. O hospital é o último ponto, então quando o ônibus chega lá está cheio de estudantes, dentro dele tem os assentos preferenciais para gestantes, idosos e deficientes, mas infelizmente os estudante simplesmente não se importam com isso e pensam apenas em si mesmos, buscando o conforto de ir embora sentado, sem pensar nos que realmente necessitam daquele assento. Até quando os jovens serão egoístas ao ponto de não pensar que um dia serão idosos também? E também até quando a empresa estará preocupada somente com seus lucros se esquecendo que transporta seres humanos e não animais?
Para terminar esse post rápido, uma frase hoje me chamou atenção, vou reescreve-la com minhas palavras "Uma das piores coisas para o ser humano é ver que o que ele fez foi em vão e/ou não valeu a pena", meu professor disse isso relacionado ao curso, mas considero isso aplicado para vida, e você o que acha disso?

domingo, 8 de março de 2009

Dilema cruel

Quase uma hora de manhã e me encontro em um cruel dilema: "Comer ou dormir?Eis a questão."
Já ouvi frases "comer dá sono e dormir dá fome", e então o que fazer? Não comi direito essa noite e não dormi atarde, então não tem algo que eu queira mais...No fim das contas, comerei depois dormirei e ponto final.

sábado, 7 de março de 2009

Foco e felicidade

Li ontem uma história interessante sobre um empresário e um pescador, vou reconta-la com minhas palavras.
"Estava um empresário rico de férias em uma bela praia caminhando pela areia quando ele encontra um pescador puxando um barco com alguns peixes dentro, então começa a acompanhar a rotina desse pescador, pela manhã ele pesca depois volta para casa para almoçar com a família e atarde fica conversando com seus amigos. Ao ver essa rotina o empresário começa a fazer perguntas ao pescador, 'Se nesse mar há tanto peixe, por que você não trabalha o dia inteiro? Assim você não poderia comprar outro barco? Contratar outros pescadores? Até abrir uma loja e vender os peixes que sobraram para o exterior?'. Depois de ouvir e tentar responder o pescador troca de papel e resolve perguntar 'Mas por que o senhor está me dizendo isso?' e o empresário lhe responde 'Ora, assim quem sabe você não fique rico, consiga comprar uma casa nessa bela praia, pescar somente de manhã e passar o resto do dia com seus amigos e família.'
Às vezes ficamos tão pressionados pelas exigências que nos é colocada, pelo dinheiro, pelo trabalho que esquecemos da felicidade, essa pode ser encontrada também nas coisas simples. Vamos ter o foco no lugar certo, assim com certeza seremos felizes. Afinal quem não quer ser feliz?

quarta-feira, 4 de março de 2009

Nobody's watching

video
Um vídeo para descontrair e rir um pouco, é sobre coca diet e mentos e outras experiências do mesmo tipo.

Mudanças

Semana passada comprei um guarda-roupas novo, pedi para o dono vir montar ele na segunda, mas ele veio aqui só ontem, na terça. Depois de ter dado um bom trabalho, conseguimos montar, ele ao finalizar me disse "Certinho?", e eu respondi "Aham, tudo ok". Mais tarde, depois de organizar as minhas coisas fui mexer na porta do guarda-roupas, acabei então vendo que tinha alguma coisa errada, a porta não fechava direito, não sou marceneiro e fui tentar consertar, peguei a chave de fenda e mexi no parafuso, a porta piorou, depois de tentar diversas vezes pedi ajuda para um amigo, então ele conseguiu arrumar. Não é a primeira vez que tento mexer em algo e aquilo parece piorar, percebi que muitas vezes na nossa vida ao tentarmos mudar algo que não está legal nos depararemos com situações complicadas que irão nos desmotivar, mas devemos contar com os verdadeiros amigos para então conseguirmos superar a fase difícil de mudança, nessa fase podem vir critícas, risos, mas um pensamento deve estar nas nossas cabeças, "Essa mudança realmente valerá a pena?", se a resposta for SIM, siga em frente, então os verdadeiros amigos aparecerão diante de você para te ajudar.

segunda-feira, 2 de março de 2009

Despedidas...

Um momento triste da vida é a hora de se despedir de alguém, seja tempoariamente, seja para sempre. O sentimento que fica é que aquela pessoa fará falta de alguma forma na sua vida, pior é quando não aproveitamos o tempo que a pessoa esteve conosco. Então o sentimento de perda aumenta ainda mais, porque nem sempre conseguiremos corrigir os erros que cometemos, tenho falado para tentarmos viver a vida intensamente por isso, porque há momentos que são únicos e para realmente aproveitarmos nossos amigos, familiares, tem uma frase em uma música que diz "É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã". Talvez você pense, "Ah, porque vou amar alguém, sendo que ninguém me ama?", durante minha vida estive aprendendo, por mais que não pareça, por mais que você duvide, sempre haverá alguém que te ama, com certeza. Aproveitar o tempo com aqueles que você ama é fundamental para viver intensamente, assim também sempre teremos a certeza de que amamos e somos amados.

sábado, 28 de fevereiro de 2009

Uma hora por R$7

Estava lendo agora uma pequena reportagem sobre uma chinesa que aluga uma hora de sua vida por 7 reais, (http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1021445-6174,00-CHINESA+ALUGA+A+PROPRIA+VIDA+PELA+INTERNET.html ), ao ler a matéria, pensei, "até que ponto chega o ser humano para conseguir sobreviver?!", mas quero dar outro enfoque a esse post, nessa história é legal que com isso ela adquiriu experiências interessantes e diz ter ficado feliz com elas. Nós podemos ver que quando o ser humano perde seus bens, seus valores, ele já não se importa mais com o que as pessoas vão falar, apontar, porque já está "nú" e isso acaba fazendo com que ele viva sem se preocupar com as aparencias, qual é o motivo de parecermos fortes quando estamos fracos? Somente o orgulho? O status? Pensando de uma outra forma, qual é o motivo de vivermos uma vida de mentira, falsidade? Aquele velho ditado diz, a mentira tem perna curta, mais cedo ou mais tarde a verdade virá a tona, então pra que mentir? No caso da mulher da reportagem, ela não escondeu que teve um ano frustrante e que agora queria mudar de vida, isso de uma forma ou de outra trouxe mais felicidade a ela. Então quer dizer que se sairmos falando o que pensamos por aí sem nenhum pudor vamos ser mais felizes? Não, acredito que o bom senso é fundamental, o respeito, retomando o que disse no primeiro e segundo post, viver a vida intensamente, mas de uma forma saudável, isso é importante, de uma forma saudável.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Comportamentos

Estava pensando, alguns de nossos comportamentos são engraçados não acha?
Exemplos: ficamos com sono quando não estamos entretidos e se aparece algo interessante para fazer nosso sono vai embora rapidamente e não vai se é algo não muito interessante; quando não queremos fazer alguma coisa, o sono vem "por acaso"; falamos e fazemos coisas estranhas quando estamos com sono, nosso cérebro não funciona normalmente e outros mais.
O comportamento é uma grande incógnita, varia de acordo com a situação e como nem sempre temos controle da situação nem sempre temos controle do nosso comportamento, concorda comigo?
Certos comportamentos podemos mudar, um deles é ficarmos remoendo o passado quando erramos em algo(você faz isso também?), isso não é saúdavel ,uma frase que li e achei interessante é "uma coisa faço: esqueço o que fica para trás e avanço para o que está na minha frente".
Nós não podemos mudar o que passou, mas podemos viver o agora e assim mudar o futuro.
Acredito que como seres humanos somos falhos, mas se tivermos uma chance de consertar os erros, não devemos pensar duas vezes.
Juntando os post e de ontem e do de hoje, quero continuar o raciocíonio e espero que você consiga me compreender.
"Que tal vivermos intensamente?"

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Dias de chuva

Inaugurando meu blog, meu primeiro post será sobre dias de chuva e seus derivados...
Qual seu pensamento a respeito deles? Suas sensações?
Dias chuvosos me parecem nostalgicos, dias em que você vê tudo meio sem cor, meio sem graça.
Ao mesmo tempo em que são empolgantes para ver um filme ou ficar embaixo do edredom descansando,infelizmente não é sempre que podemos fazer isso, por termos nossas responsabilidades, aí que vem algo que é horrível: a preguiça.
A preguiça é um estado físico se assim posso dizer que atrapalha demais o ser humano,porque ela impede muitas vezes de fazermos aquilo que é bom ou necessário. Por exemplo, daqui a pouco tenho que ir ao banco pagar contas, mas estou com preguiça pois a chuva me dá vontade de dormir.Irei ao banco sim, afinal, contas atrasadas não são nada legais, debaixo de chuva ou de sol.
Viver intensamente acredito que é isso, lutar contra a preguiça, contra a mesmice,buscando sempre algo novo, algo saúdavel, fazendo coisas que poderemos um dia dizer "eu não me arrependo disso, porque eu sei que isso foi a escolha certa para minha vida".
Que tal vivermos intensamente, mesmo com dias de chuva?